quarta-feira, 13 de Agosto de 2008

Empada de massa tenra






Esta receita de massa tenra foi-me ensinada pela minha avó Isabel, de quem tenho, além da saudade, a mania de ter herdado o sentido de humor. Fica uma massa muito estaladiça e pode-se utilizar em empadas, tartes ou pasteis. E é infalível: pesa-se a farinha e amassa-se com metade do peso da farinha de manteiga. Junta-se água morna, salgada, e amassa-se bem, até a massa se desprender das mãos, ficando sempre um pouquinho gordurosa. Faz-se uma bola e vai-se arranjar o recheio.

Usei para recheio um resto de carnes cozinhadas, frango e porco, que tinham sobrado de anteriores refeições, pois desperdício não é grandeza!!!

Estende-se a massa com o rolo e forra-se com ela, neste caso, um vulgar tabuleiro. Recheia-se com as carnes. A carne deve ter algum molho para a empada não ficar seca. Não tenha medo, faz dieta noutra ocasião. Cobre-se com a massa restante, fazendo alguns golpes para sair o vapor da cozedura.

Vai ao forno até estar dourada.





Esta podia ter ficado um pouco mais no forno, mas estávamos cheios de fome e foi mesmo assim para a mesa, nem saiu do tabuleiro.

1 comentário:

candida disse...

deve ser boa.