sábado, 25 de dezembro de 2010

Bacalhau do meu irmão Tózé


Hoje ao almoço é que comemos o bacalhau, porque na noite de consoada comemos a pescada cozida de Vigo como já aqui contei. No dia de Natal é que comemos o bacalhau e o resto do peru.
Hoje quem cozinhou o bacalhau foi o meu irmão Tózé, acompanhado pelo Pintas Character dos primos e foi assim:


Ingredientes:



Postas de bacalhau do lombo

Cebola

Alho

Azeite



Preparação:


Demolham-se as postas de bacalhau. Num recipiente, que neste caso foi um tacho de barro de ir ao forno, coloca-se uma camada de cebola cortada às rodelas e que cobre o fundo. Por cima da cebola dispõe-se as postas de bacalhau e por cima deste, alho laminado a gosto. Tapa-se o bacalhau com mais uma camada de cebola às rodelas. Rega-se o preparado com azeite abundante (até meio das postas de bacalhau) e vai ao forno a 180º até estar assado.











sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Véspera de natal 2010



A árvore de natal é realmente exagerada, mas ficou bonita.

Este foi o nosso almoço de hoje, carne assada com bacon e queijo e batatinhas assadas com o tempero da carne. Aqui estavam prontos a entrar no forno.



Agora que já almoçamos o perú está no forno. Aqui está tambem pronto para ser assado. Assim que puder volto para dar as receitas.

Feliz Natal.

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Preparação para o natal de 2010






Peço desculpa pelo quase abandono do blog, mas por razões que têm a ver com a minha vida, não tenho tido tempo para postar seja o que for.

Nas mini férias do natal prometi que daria o ar da minha graça e aqui estou a preparar o natal. Deixo, por isso, as fotos dessa preparação: o peru está temperado e o bacalhau de molho, alguns doces estão a ser feitos e a família quase toda reunida.

A árvore de natal e o presépio a serem preparados, se bem que acho que exageraram no tamanho do pinheiro...

Boas festas para todos e que 2011 seja melhor do que se espera.

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Bochechas de porco


Já tinha comido bochechas de porco em restaurantes, nomeadamente no Alentejo, mas nunca tinha experimentado fazer. Quando vi as bochechas na montra do talho, muito arrumadinhas umas ao lado das outras, não resisti e decidi experimentar. É um prato que é relativamente simples de confeccionar e fica delicioso: a carne muito tenra e o sabor muito apurado. Segui a receita da mesa para 4. Servi com arroz.

Ingredientes:

800g de bochechas de porco
2 cebolas
3 dentes de Alho
2 folhas de Louro
Azeite
2 colheres de sopa polpa de tomate
1 colher de vinha de alhos concentrada
250 ml de vinho tinto
300 ml de água
Sal e pimenta

Preparação:

Temperam-se as bochechas na véspera, com sal, pimenta, o alho e as folhas de louro.
Refogam-se as cebolas, os alhos e o azeite na panela de pressão. Adiciona-se a polpa de tomate, a vinha de alhos e deixa-se cozinhar.
Junta-se a carne e deixa-se fritar dos dois lados.
Junta-se o vinho e a água e rectifica-se o sal.
Se usar a panela de pressão, tapa-se e deixa-se cozinhar 40 minutos. Numa panela normal leva cerca de hora e meia.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Bolo de milho à brasileira

Tinha comprado farinha de milho amarela, na intenção de fazer um daqueles bolos maravilhosos que se comem no Brasil. Quando olhava para o saco na despensa, pensava que teria de procurar uma receita para a utilizar, ou passaria a validade. Pesquisei em várias fontes, até que encontrei esta, numa Tele-culinária muito antiga e me pareceu perfeita. É para repetir.

Ingredientes:

300g de açúcar
250g de margarina (coloquei 200g de manteiga)
4 ovos
6 colheres de sopa de leite quente
250g de farinha de milho amarela
1 colher de chá de fermento em pó

Preparação:

Unta-se uma forma de buraco e polvilha-se de farinha. Bate-se, com a batedeira, a manteiga com o açúcar até ficarem em creme. Juntam-se as gemas, uma a uma, e continua-se a bater. Adicionam-se 4 colheres de leite quente e, de seguida, a farinha a que se juntou o fermento. Juntam-se as 2 colheres de leite restantes. Batem-se as claras em castelo e juntam-se ao preparado, cuidadosamente. Coloca-se na forma e leva-se ao forno a 200º, que se reduz para 180º depois de crescer um pouco. Verifica-se a cozedura com um palito (cerca de 40 minutos).

sábado, 4 de setembro de 2010

Tarte de tomates

Depois das saladas e das compotas, para poder dar alguma vazão à a quantidade de tomates do quintal, fiz esta tarte que tanto pode ser acompanhamento, como um ligeiro prato principal. Neste dia a tarte acompanhou um empadão de puré de batata com carne picada.

Ingredientes:

1 placa de massa quebrada de compra

4 a 5 tomates maduros

200g de queijo ralado (quatro queijos)

Azeitonas descaroçadas

Azeite

Orégãos


Preparação:

Unta-se uma forma de tarte ou, neste caso, foi um tabuleiro e coloca-se a massa. Espalha-se o queijo no fundo e por cima os tomates a que se tirou a pele e cortados às rodelas. Por cima põem-se as azeitonas e rega-se com um fio de azeite. Polvilha-se com os orégãos. Vai ao forno até cozer a massa e o tomate ficar ligeiramente dourado.


segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Scones



Esta receita de scones existe em minha casa desde que me conheço. Já comi scones em muitos sítios, mas estes têm qualquer coisa que os torna diferentes de todos os outros, pois têm na sua essência o sabor e os cheiros da minha infância.


Ingredientes:

15 colheres de sopa de farinha com fermento




3 colheres de sopa de açúcar




1 colher de sopa de manteiga




1 chávena de leite




1 ovo


Preparação:

Deita-se numa taça a farinha, o açúcar, a manteiga e o ovo. Misturam-se, com a mão, todos os ingredientes e deita-se aos poucos o leite morno até formar uma massa que se desprende das mãos. Formam-se bolinhas que se colocam num tabuleiro, untado ou forrado de papel vegetal. Vai ao forno, a 180º, até ficarem ligeiramente corados. Comem-se com manteiga ou compotas, neste caso da minha sobrinha M.

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Mousse de coco

Com o calor que se faz sentir apetece comer coisas frescas e esta mousse é uma alternativa aos gelados e sorvetes. Comi pela primeira vez num restaurante esta mousse e gostei muito. Andei a pesquisar receitas e acabei por fazer esta versão que me parece muito conseguida.

Ingredientes:

1 lata de leite condensado
a mesma medida de leite - usei meio gordo Vigor
100g de coco ralado
3 iogurtes gregos
5 folhas de gelatina

Preparação:

Demolham-se as folhas de gelatina em água fria. Juntam-se e batem-se todos os ingredientes. Usei a Bimby, mas pode-se fazer da maneira que se quiser. Depois de demolhadas, escorrem-se as folhas de gelatina e derretem-se no micro-ondas. Juntam-se a o preparado e bate-se até ficarem bem incorporadas. Coloca-se a mousse em taças ou numa taça grande. Também se pode colocar em forma previamente molhada e depois desenformar.

terça-feira, 20 de julho de 2010

Crisp de tomates cereja da Elvira


Logo que vi esta receita da Elvira percebi que tinha de a experimentar. Depois foi a Fer que não resistiu e hoje decidi que não ia esperar mais. Fica muito bom, mesmo. Em vez da salsa, de que não sou muito apreciadora, usei coentros. Fiz mais algumas alterações, assim:

Ingredientes:

2 pãezinhos com azeitonas
4 colheres de sopa de queijo parmezão em fios
coentros
2 colheres de sopa de azeite
1 dente de alho
sal e pimenta
500g de tomates cereja
Preparação:

Acende-se o forno a 200º. Tiram-se os pés e lavam-se os tomates.Dispõem-se no fundo de um pirex.
Colocam-se na Bimby todos os ingredientes e picam-se 10 Seg., Vel. 7, até ficar uma espécie de farofa que se espalha por cima dos tomates. Mete-se no forno cerca de meia hora até ficar tostado e os tomates ligeiramente moles.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Doce de bolachas e leite condensado com pedaços de chocolate


Este é um doce de colher de comer e chorar por mais, como se costuma dizer. É aconselhável colocar o doce em taças individuais para não abusar… e controlar o que se come. A receita onde me inspirei está aqui e fiz algumas modificações. Mas saiu muito bem e vou repetir.

Ingredientes

1 lata de leite condensado cozido
4 folhas de gelatina
3 ovos
4 iogurtes gregos
100 g de bolachas tipo Maria ou digestivas
100 g de chocolate

Preparação:

Demolha-se a gelatina em água fria. Batem-se as gemas com o leite condensado. Juntam-se os iogurtes e mistura-se bem. Trituram-se as bolachas e o chocolate na Bimby, ou numa picadora, separadamente, pois gosto de sentir os pedaços de chocolate no doce. Juntam-se as bolachas ao chocolate. Põe-se de parte uma porção com que se polvilha, no fim, a taça ou taças onde se vai servir o doce. Mistura-se a outra porção no preparado de leite condensado, gemas e iogurtes. Escorre-se a gelatina, leva-se ao micro-ondas a derreter e junta-se ao creme. Batem-se as claras em castelo e envolvem-se no creme. Leva-se ao frigorífico até servir, altura em que se polvilha com mistura de bolachas e chocolate reservada.

domingo, 30 de maio de 2010

Bolo de chocolate de claras



Este bolo é feito só com as claras dos ovos e por isso é óptimo para aproveitar aquelas que congelamos para um dia utilizar. Fica com uma consistência muito boa e deve ser óptimo para rechear e cobrir com creme. Aqui em casa acharam que sabia a pouco, pois é um bolo mais leve e menos doce e eles só gostam de coisas bem doces. Eu achei-o muito bom. Encontrei-o no blog dança dos tachos. Fiz algumas alterações.

Ingredientes:

10 claras
3 copos de farinha
2 copos de açúcar
1 copo de óleo
3 colheres de sopa de cacau em pó
1 colher de sopa de café solúvel
2 colheres de sopa de leite
1 colher de chá de fermento

Preparação:

Batem-se as claras em castelo. Misturam-se os ingredientes secos: a farinha, o açúcar, o fermento, o chocolate, o café. Mistura-se o óleo com o leite que juntos fazem o copo da medida e misturam-se aos ingredientes secos. Mexe-se com 1/3 das claras até ficar homogéneo e depois envolvem-se neste preparado o resto das claras.
Vai ao forno pré-aquecido a 180º, cerca de uma hora, ou até fazer o teste do palito.

domingo, 23 de maio de 2010

Bôla de fiambre e queijo

Têm-me pedido para postar a bôla de fiambre, mas da maneira tradicional. Esta bôla pode-se rechear do que se quiser, desde carnes a charcutaria. A fotografia é de uma bôla que fiz para o almoço de sábado e levava fiambre e queijo. O meu filho está, obviamente, a ler “A Bola”.


Ingredientes:

600g de farinha

1 chávena de leite

6 ovos

125g de manteiga

25g de fermento fresco

sal, q.b.

Fiambre: cerca de 400g

Queijo: cerca de 200g

Preparação:

Numa taça grande deita-se a farinha e faz-se uma cova no meio. Desfaz-se o fermento no leite morno e junta-se o sal. Derrete-se a manteiga. Batem-se ligeiramente os ovos só para se desfazerem. Deita-se em cima da farinha a manteiga derretida, o leite com o fermento e o sal e os ovos. Bate-se muito bem até fazer bolhas.
Unta-se um tabuleiro com manteiga e polvilha-se de farinha. Coloca-se metade da massa no tabuleiro, por cima as fatias de fiambre, por cima do fiambre o queijo e por cima mais fiambre. Por fim o resto da massa. Deixa-se levedar mais ou menos uma hora até dobrar o volume e vai ao forno, a 200º, até estar cozido.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Bolachas de avelã e chocolate branco


Mais umas bolachas feitas com a ajuda da Bimby.

Ingredientes:

100g de chocolate branco
200g de farinha
70g de avelã
70g de açúcar
100g de manteiga
1 ovo
1 colher de chá de fermento
Preparação:
Pulveriza-se o chocolate com a avelã na Vel. 9. Se quiser sentir o chocolate, não o deixe ficar em pó. Adicionam-se os restantes ingredientes e programa-se 25 Seg. Vel. 6.Fazem-se uns rolos que se cortam em pedaços de aproximadamente 2,5 cm. Colocam-se num tabuleiro forrado com papel vegetal. Achatam-se com um garfo para formar a parte de cima. Vai ao forno a 180º, cerca de 20 minutos.

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Mousse de chocolate rápida da Nigella


Quem me conhece sabe que sou avessa a modas. É o meu (mau) feitio! Tudo o que esteja muito na moda, ou que seja unanimemente aclamado, eu desconfio. Por razões que não têm a ver com modas, mas com a minha vida, vejo muito pouca televisão. Os bons programas, ou aqueles que eu assim considero, ou que me podem interessar, passam a horas a que não posso ver. Eu sei que se podem gravar, mas chega a uma altura em que a televisão está cheia de gravações que não vou ter tempo de ver. E apago. Porque a televisão faz perder muito tempo. E tempo é aquilo que, há medida que os anos vão passando, temos menos.
Tudo isto para dizer que vi recentemente, pela primeira vez, um programa de televisão da Nigella Lawson. Nesse programa ela faz almôndegas com tagliatelle, trifle de amoras e um bolo de chocolate sem farinha que me deixou rendida. Devo confessar que o facto de ela atirar as cascas dos ovos para lá do cenário, deixou-me um pouco apreensiva, mas, a perfeição não existe!
Fui a correr à procura de um qualquer livro dela, mas tive de esperar porque estava esgotado. Facilmente encontrei aqui e adorei, claro.
Fui logo experimentar o que me pareceu mais óbvio: Instant Chocolate Mousse. Aqui. Nunca tinha pensado fazer uma mousse assim e durante o processo achei que talvez a experiência fosse um fiasco. Quando acabei, em vez de comer logo como ela recomenda, coloquei no congelador porque a achei muito líquida. Passada hora e meia, ao jantar, experimentámos. Fica delicioso. Estou fã!
Fiz algumas alterações. Utilizei a Bimby.

Ingredientes:

150g de mini marshmallows
50g de manteiga
200g de chocolate com 52% de cacau
60ml. de água
400g de natas
Uns pingos de limão

Preparação:

Coloque no copo da Bimby os marshmallows, a manteiga e a água e programe 5 Min., Temp. 90º, Vel. 4. Junte o chocolate partido aos bocados e espere até amolecer. Programe mais 30 Seg., Vel 4 ou até o chocolate estar todo incorporado. Retire da Bimby e deixe arrefecer. Bata as natas com uns pingos de limão até ficarem grossas e firmes. Junta-se ao chocolate e deita-se numa taça. Vai ao congelador até prender.

Lombo intercalado

Quando se reúne a família e os amigos à volta de uma refeição é muitas vezes difícil escolher um menu que agrade a todos. As crianças não gostam de peixe, os idosos não podem comer coisas que impliquem mastigar muito, há sempre os que não gostam de qualquer coisa, ou que por motivos de saúde não podem comer, etc. Por isso os almoços de domingo requerem alguma preparação, não só pelo número de pessoas, que aumenta consideravelmente, como decidir o que se vai fazer. Ultrapassado esse “obstáculo” está praticamente “feito” o almoço.
Quando eu e o E. já não sabemos o que fazer e depois de várias sugestões, telefonemas a perguntar o que querem que se faça para o almoço, quando não se chega a um consenso, há sempre um de nós que, após aquele olhar e o silêncio que lhe corresponde diz: fazemos o lombo e acabou-se.
A receita do lombo é esta. Escolhe-se a peça de carne maior ou mais pequena, consoante o número de comensais e acompanha-se com batata palha de compra e arroz, que varia segundo a inspiração e a época do ano. O queijo é o que mais gostar. Costumo usar flamengo.

Ingredientes:

1 lombo de carne de vitela
Cebola
Alho francês
Azeite
Vinho Branco
Sal
Pimenta
Folha de louro
1 lata de cogumelos laminados
1 pacote de natas
Fatias de queijo
Fatias de bacon
Vinho do Porto



Preparação:

Leva-se um tacho ao lume com a cebola e o alho francês às rodelas finas e o azeite. Coloca-se por cima a carne e junta-se o vinho branco, o sal e a pimenta e a folha de louro. Deixa-se a carne estufar durante mais ou menos 15 a 20 minutos. Vai-se rolando a peça e na parte final adiciona-se a lata de cogumelos laminados.
Tira-se a carne que se fatia. Colocam-se as fatias num tabuleiro de ir ao forno e entremeia-se 1 fatia de carne, queijo, bacon, fatia de carne, queijo e bacon, e assim sucessivamente até acabar a carne. Por cima coloca-se a cebola, o alho francês e os cogumelos que se retiraram do tacho.
Rega-se tudo com o pacote de natas e o cálice de vinho do porto e vai ao forno quente, a 230º, mais 15 a 20 min.


domingo, 14 de fevereiro de 2010

Bolo de bolachas com creme moka

Esta receita de bolo de bolachas é também muito apreciada cá em casa. Depois deste e deste, esta é outra alternativa para quem goste de café. Fiz o creme moka na Bimby mas pode fazer-se da forma tradicional.


Ingredientes:

2 pacotes de bolacha torrada – 400g
250g de manteiga
1 colher de sopa de café solúvel
175g de açúcar
1 ovo
2,5 dl. de café
2 colheres de sopa de rum

Preparação:

Pulveriza-se o açúcar com o café solúvel na Bimby e reserva-se. Introduz-se a manteiga no copo e programa-se 1Min., Vel. 4. Verifica-se se a manteiga está em creme. Se ainda não estiver, programar mais algum tempo, pois depende da temperatura a que está a manteiga quando se começa a trabalhar. Junta-se, através da tampa, aos poucos e na Vel. 2, a mistura de açúcar com café à manteiga. Depois adiciona-se o ovo inteiro. Pode-se aumentar a velocidade até estar um creme bem macio e fofo.
Faz-se o café, que para este bolo não deve ser tão forte, pois o creme já tem café e junta-se o rum.
Molham-se as bolachas no café e vão-se dispondo no prato da forma que se quiser. Barram-se as bolachas com o creme e volta-se a por outra camada de bolachas e assim sucessivamente até aquelas acabarem. Cobre-se o bolo com o restante creme e decora-se como se quiser.

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Bolachinhas de chocolate com aroma de laranja


Estas são daquelas bolachas caseiras de comer e chorar por mais. Podem fazer-se só de chocolate ou como estas com um leve aroma de laranja. Deliciosas. E na Bimby não há como correr mal: em dois minutos está a massa feita e é só colocar no forno e esperar. Esta parte é difícil, mas o aroma que vem do forno e lentamente invade o espaço faz também parte do prazer.
A receita está no livro base da Bimby, página 100.

Ingredientes:

100g de chocolate
250g de farinha
100g de açúcar
100g de manteiga
1 ovo
1 colher de chá de fermento
Casca de laranja

Preparação:

Pulveriza-se o chocolate com a casca de laranja na Vel. 9. Adicionam-se os restantes ingredientes e programa-se 25 Seg. Vel. 6.
Fazem-se bolinhas do tamanho de nozes e colocam-se num tabuleiro forrado com papel vegetal. Achatam-se ligeiramente para ficarem com a forma de bolachas. Vai ao forno a 180º, cerca de 20 minutos. Não as deixe cozer muito, ficam melhores.

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

FELIZ NATAL


Cozinha e sala têm, por razões diversas, estado a meio gaz, como se nota.
No entanto, porque um pouco por todo o mundo uma parte dos cristãos comemora hoje o seu Natal, venho desejar a todos os que passam pelo receitas um Feliz Natal.
E que o ano de 2010 nos traga boas RECEITAS e ainda melhor VIDA.